quarta-feira, 19 fevereiro, 2020
Início MUNDO

MUNDO

Fique por dentro das principais notícias pelo mundo.

Novo coronavírus: China registra mais de 1.000 mortes

Alguns casos de morte foram registrados fora de Hubei, a província mais afetada, incluindo as cidades de Pequim e Tianjin.

Tiroteio na Tailândia deixa pelo menos 20 pessoas mortas; veja vídeos

A imprensa local informou que o suspeito, identificado como um soldado tailandês, permanecia no início da tarde dentro do centro comercial na Tailândia

Coronavírus impacta mercado de games e esportes eletrônicos

A China é o maior mercado consumidor de games no mundo. Os jogos eletrônicos faturaram US$ 36,5 bilhões (R$ 154,3 bilhões) só em 2019

Número de mortes pelo coronavírus chega a 490 na China

Casos da nova variante do coronavírus foram confirmados em 27 países e regiões além da China. O número de pessoas infectadas fora da China já chega a 226.

Guerra no noroeste da Síria deixa meio milhão de deslocados

Os confrontos no noroeste da Síria aumentaram após o início da ofensiva do Exército de Damasco contra os extremistas islâmicos.

Em dez dias, China termina hospital com mil leitos

Em Wuhan, capital daquela província, no centro da China, o novo hospital foi concluído, enquanto um segundo hospital com 1.500 camas continua em construção.

Número de mortes pelo coronavírus ultrapassa 300 na China

A Comissão Nacional de Saúde da China anunciou que 2.590 novos contágios foram registrados, elevando o número total de casos para 14.380.

Minnie furiosa ataca segurança e é contida por Mickey e Pateta; veja o vídeo

Em vídeo viralizado no Twitter, a “Minnie Mouse” puxa o cabelo, direciona socos e joga no chão a segurança do local, que quase não reage.

Coronavírus mata 259 pessoas na China que anuncia 11.791 infectados

Na sexta-feira, 2.102 novos casos foram confirmados na China, além de 5.019 novas ocorrências de suspeita e 46 mortes, sendo 45 na província de Hubei

Governo americano impõe sanções contra organização nuclear iraniana

O representante especial dos EUA para o Irã, Brian Hook, falou à imprensa, na quinta-feira. Ele renovou suas críticas contra o programa nuclear iraniano.
Publicidade

VEJA TAMBÉM